Atualizado semanalmente

Pesquisa

Pesquisa
Anuncie: 2977-6544. O mais eficiente veículo de divulgação. Distribuído e lido em 88 bairros da Zona Norte para um público de 500 mil leitores com circulação às sextas-feiras. Distribuição gratuita em bancas, prédios comerciais e residenciais, condomínios, clubes, imobiliárias, padarias e shoppings. 56 anos de tradição.
 
O que foi notícia na semana
 
Na última quinta-feira (6), foi publicado no Diário Oficial da União que o presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei aprovada pelo Congresso que autoriza a internação involuntária (sem consentimento) de dependentes químicos sem a necessidade de autorização judicial. O início e o término deste período de tratamento são determinados pelo médico responsável pelo paciente. Pela lei, a prática é autorizada quando comprovada a impossibilidade de utilização de outras alternativas terapêuticas. O texto também diz que a internação deve durar até a desintoxicação, no prazo máximo de 90 dias.

Na última semana o jogador Neymar foi acusado de estupro e agressão pela modelo Najila Trindade, 26 anos. Em entrevista a um canal de TV, a modelo reafirmou que foi estuprada e contou detalhes do encontro. O jogador nega e diz que tudo foi consentido. Em consequência desse caso, um patrocinador decidiu não veicular o comercial em que ele é o garoto-propaganda.

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Na última terça-feira (4), a Prefeitura de São Paulo cedeu ao Governo do Estado um terreno na Avenida Rio Branco, região central, para a construção da nova sede do Hospital Pérola Byington, centro de referência de saúde da mulher. O Hospital, atualmente funciona em um prédio alugado na região da Bela Vista. Com o decreto, será possível que a sede própria seja construída na região central, com o objetivo de atrair mais pessoas e revitalizar a região da Luz.

O ministro Sérgio Moro acelerou a aplicação dos recursos do FDD, fundo criado para reparar danos causados ao Meio Ambiente, ao Consumidor, à Ordem Econômica e outros Direitos difusos. A Secre­taria Nacional do Consumidor, aprovou cerca de R$ 264 milhões em financiamento a 59 projetos em 2019. O valor é 1.650% maior do que o aplicado nos cinco anos anteriores: R$ 16 milhões a 53 projetos. 
 
Voltar
 

Veja a capa da edição:

Capa da Edição
Edição da semana

Para anunciar ligue:
2977-6544 / 2950-7919


Cinemark

É proibida a reprodução ou cópia de fotos, matérias, anúncios ou páginas sem a devida autorização.

   2002-2019 ©.